CRM Além do conceito: como ele pode te ajudar

Já explicamos em um post prévio a definição do CRM e o que seu conceito engloba, também já explicamos por que ser criativo na hora de alinhar a identidade da empresa junto com a abordagem comunicativa do CRM é interessante. Até falamos sobre a importância do CRM. Estas postagens possuem seu valor, quando te perguntarem o que é CRM, por exemplo, você vai saber responder sem gaguejar, ou sem falar “sei sim” enquanto dá aquela pesquisada rápida no Google. Você já sabe que o CRM importa, e isso é importante. E de quebra, ainda sabe que existe espaço para pensamento criativo dentro dessa estratégia tão bacana que é o CRM. Sim, trazemos aqui mais um post sobre CRM. Caso não tenha conferido algum dos anteriores, listamos os links acima, é só clicar e boa leitura!

Aqui vamos destrinchar o CRM e suas funcionalidades visando enaltecer um ponto crítico: O seu lucro.

CRM é um termo bonito e bem conceituado no mercado, mas como ele pode realmente te ajudar? Vamos aos finalmentes, é sobre isso que falaremos agora:

CRM para todos

“A tecnologia é fascinante/incrível/coisa de doido” é umas das máximas mais batidas em redações que tentam falar dos frutos do avanço tecnológico. Mas ela é usada com toda essa frequência justamente por ser verdadeira. A tecnologia é sim fascinante/incrível e até mesmo coisa de doido, tendo impacto irrefutável em praticamente quase todas as atividades que permeiam a sociedade, do dever de casa do aluno, até o gerenciamento da empresa dos empresários, aqui vamos falar mais dessa segunda parte.

O CRM não é um fruto de avanços tecnológicos. Um mercador do século 19 que anotava as preferências da clientela em seu caderno revestido com pele de javali já é uma ação que pode ser considerada CRM. A informação também não é um fruto da tecnologia. Mas vejam só: assim como o CRM, a informação flui melhor através do uso da tecnologia. É uma questão de otimização. “Tempo é dinheiro” também é uma máxima batida, tempo não é literalmente dinheiro, isso seria estúpido, essa frase significa que perder tempo é perder dinheiro, e existe uma correlação interessante ali no meio. Porque você vai focar seus esforços em realizar algo de uma maneira mais cansativa e desorganizada quando existe um caminho mais fácil, rentável e até mais promissor? Tempo é dinheiro, otimize tempo, economize dinheiro, tenha mais dinheiro, o mundo meio que gira ao redor disso.

Gerenciar uma empresa não precisa ser complicado, você não precisa depender de planilhas, post-its, anotações no rodapé de cadernos que você não lembra onde guardou. Você pode otimizar o CRM através de tecnologias, existem sistemas ERP que automatizam incontáveis processos empresariais, deixe a máquina trabalhar por você, economize esse tempo, o aplique em outra coisa, beba água e seja feliz.

CRM além do conceito

É fácil condensar CRM na sentença “ferramenta que compila dados de clientes para saber o que na empresa requer melhorias”, mas se você for perguntar por aí, muitas empresas possuem definições próprias para o uso de seu CRM internamente. Seja para coletar insights de clientes e aplicá-los na gestão ou somente ter uma compreensão maior acerca das necessidades assim como dos potenciais do ambiente de trabalho, o CRM é profundo, seu uso pode englobar:

  • Funil de vendas: A magia de acompanhar todo o processo de compra de um cliente, do momento especial em que ele cria confiança e fornece seus dados até a finalização do pedido, garantindo discernimento sobre o que funciona em seu sistema de vendas e o que carece de melhorias.
  • Processos Automatizados: Como mencionado anteriormente, ações que consomem um tempo desnecessário agora podem ser realizadas de maneira quase instantânea sem que haja uma queda em sua qualidade. Criar listas com os números dos clientes a serem atendidos por um call center, por exemplo, pode ser feito em um instante. E-mail marketing que dispara correio eletrônico relevante para uma segmentação específica de sua lista de clientes e contatos. Ah, a tecnologia.
  • Atendimento One-on-one: Entre em contato direto com o cliente através de redes sociais, capture informações sobre ele através desse meio, além de responder comentários postados em sua página, sejam eles críticas ou elogios.
  • Gerar relatórios: Compile o conhecimento adquirido sobre os clientes no CRM e os repasse para o departamento de vendas.

Percebeu o quão versátil é a aplicação do CRM? Mesmo que você use o CRM da maneira mais supérflua -obtenção de informação- certamente existe algo valioso para o crescimento de seu negócio a ser extraído.

 

Leave a Reply

XHTML: You can use these tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>